10/11/2015 – Comissão Federal vai avaliar impactos do desastre no Rio Doce

Foletto protocolou hoje (10), pedido ao presidente da Câmara Federal, Eduardo Cunha de criação Comissão Externa para avaliar o grau dos impactos sociais ambientais e econômicos nos municípios afetados no estado do Espírito, em função do rompimento de barragens de rejeitos do processo de mineração, no município de Mariana/MG, que atingiram as águas da Bacia do Rio Doce. A Comissão sem ônus para a Câmara Federal , deverá ser aprovada em cinco dias.
Leia o documento na íntegra!
Rio DoceOntem, Foletto esteve na Usina de Aimorés com o prefeito de Baixo Guandu, Neto Barros e o coordenador da Usina, Humberto Barbosa.

Reunião da Bancada

Secretário Nacional de Defesa Civil, General Adriano Pereira garantiu na reunião desta manhã (10) na reunião da Bancada capixaba no Congresso Nacional que não há contaminação de mercúrio e arsênio na lama que desce na calha do Rio Doce que neste momento passa pela cidade de Resplendor.
Veja o no pronunciamento do deputado federal Paulo Foletto na tribuna da Câmara Federal.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s